Como Definir Metas Inteligentes de Aprendizado de Idiomas para se Tornar Realmente Fluente

A fluência parece ser o objetivo final de todo aluno de inglês. No entanto, a maioria das pessoas sofre para alcançar esse objetivo, apesar de todo o seu trabalho árduo.

Isso acontece porque a maioria das pessoas não define claramente seus objetivos. Eles só querem “ser fluentes”. O problema é que a fluência abrange muita coisa, desde pedir comida em um restaurante até negociar contratos multimilionários.

Em outras palavras, dizer que seu objetivo é “ser fluente” é como dizer que você quer ir “a algum lugar na Europa”. Se você não sabe exatamente para onde está indo, não sabe como chegar lá.

Portanto, antes de baixar seu próximo aplicativo de aprendizado de idiomas, reserve um momento para restringir/definir suas razões para aprender inglês para que você realmente se torne fluente!

Tipos de Objetivos

Primeiro, é útil estar familiarizado com os dois tipos diferentes de objetivos: objetivos baseados em resultados e baseados em processos.

Em termos mais simples, uma meta baseada em resultados pode ser “escalar o Monte Everest”, enquanto uma meta baseada em processos pode ser “escalar uma pequena montanha todo fim de semana para aumentar sua resistência”.

Aqui estão alguns exemplos de metas de aprendizagem de línguas baseadas em resultados:

  • Poder pedir informações na rua em inglês.
  • Passar no TOEFL, IELTS ou algum outro exame.
  • Ser capaz de manter uma conversa em inglês.

Por outro lado, aqui estão alguns objetivos baseados em processos:

  • Memorizar 70 novas palavras todas as semanas.
  • Fazer um simulado de exames/provas todos os meses.
  • Ter uma conversa de dez minutos com um amigo todos os dias.

Agora que sabemos como distinguir entre diferentes tipos de metas, vamos falar sobre como devem ser essas metas.

Se precisar de ajuda para descobrir seus objetivos, seus pontos fortes e fracos, ou estratégias de aprendizagem que funcionam melhor para você, recomendamos que você agende uma aula com um de nossos professores para receber uma espécie de coaching de idiomas. Muitos estudaram inglês ou outras línguas e sua primeira aula será gratuita.

Estabelecendo Objetivos SMART

Uma boa maneira de definir metas é usar a estrutura SMART (“inteligente”), que diz que suas metas devem ser:

  • Specific (Específico)
  • Measurable (Mensurável)
  • Achievable (Atingível)
  • Regularly Reviewed (Revisado Regularmente)
  • Time-bound (Temporal)

1. Specific

As metas precisam ser específicas. Afinal, como você pode ter um roteiro para o sucesso se não sabe qual o critério do sucesso?

Comece fazendo um brainstorming sobre coisas específicas que você deseja fazer em inglês. aqui estão alguns exemplos:

  1. Eu quero ser capaz de passar em entrevistas de emprego em inglês.
  2. Quero ser capaz de me comunicar em inglês quando viajar para o exterior.
  3. Eu quero fazer amigos de todo o mundo.

Depois de definir metas baseadas em resultados específicos como essas, você terá uma ideia melhor de como pode alcançá-las.

Por exemplo, se você precisa aprender inglês para viajar para o exterior, provavelmente desejará se inscrever em um curso de inglês de sobrevivência em vez de comprar um livro que ensine frases como “Há um amendoim sob a roseira”.

2. Measurable

Agora que você tem objetivos específicos, é hora de torná-los mensuráveis. Mas o que isso significa? 

Bem, quando você está trabalhando para atingir uma meta, é motivador saber quando você está 25%, 50% ou – melhor ainda – 99% lá! Infelizmente, não é tão fácil medir seu progresso com o aprendizado de idiomas.

É por isso que é útil alinhar suas metas baseadas em resultados com aquelas baseadas em processos. Se você comprou um livro de inglês para viagens, pode definir uma meta baseada no processo de estudar um capítulo todas as semanas até a viagem.

3. Achievable

Quando alcançamos uma meta, temos uma sensação de realização. E em nossa longa jornada para a fluência, precisamos de muito disso para continuar!

A parte complicada é que nem sempre sabemos quais metas podem ser alcançadas até que tentemos. Por exemplo, se você definir uma meta de memorizar 300 palavras novas por semana, provavelmente logo perceberá que terá de ajustá-la para 100 ou 50 palavras por semana.

Se você não conseguir atingir uma meta que originalmente definiu, não desanime. Esteja ciente do fato de que seus objetivos são um trabalho em andamento. Portanto, não se preocupe se tiver que tentar vários objetivos no início até descobrir o que funciona melhor para você!

4. Regularly Reviewed

Metas não se atingem sozinhas. Elas precisam ser revistos regularmente para que não acabem como a maioria das “resoluções de Ano Novo”: esquecidas em um mês.

“Review” significa literalmente “rever” seus objetivos: vê-los repetidamente para que você não possa esquecê-los. Isso pode significar simplesmente anotá-los e colocá-los na geladeira.

Ou, se sua meta é ler um capítulo de um livro por semana, você pode manter o livro perto de sua cama. Assim, é muito mais provável que você leia todas as noites antes de dormir.

Além disso, você também desejará revisar suas metas no sentido de verificar regularmente seu progresso. Aqui estão algumas maneiras de fazer isso, dependendo de seus objetivos:

  • Encontre um parceiro e compartilhe regularmente seu progresso um com o outro. Dessa forma, você tem mais chances de sucesso.
  • Acompanhe seus erros cada vez que praticar. Por exemplo, observe quantos erros você comete nos exercícios de escuta e veja como o número diminui com o tempo conforme você melhora.
  • Teste regularmente seu domínio do novo material. Por exemplo, a cada duas semanas, você pode se desafiar a fazer frases com as novas palavras que aprendeu sem olhar para sua definição no dicionário.

5. Time-Bound

Por fim, certifique-se de que suas metas tenham prazos como “Em 3 meses, quero poder ter uma conversa de meia hora com um nativo no idioma”.

Idealmente, quanto mais cedo o prazo, melhor. Quando seu prazo é de um ou dois anos, é fácil adiá-lo (“Começarei amanhã!”). Se você definir um prazo de um ano, divida-o em etapas acionáveis para cada semana e mês.

Boa Sorte!

Se as dicas acima parecerem desafiadoras ou demais pra você, lembre-se de que o ponto principal ao estabelecer metas é ponderar cuidadosamente sobre o que a fluência significa para você … para que você realmente se torne fluente.

Portanto, estabeleça algumas metas SMART hoje!

E se precisar de ajuda para realizá-los, lembre-se que a Engoo está aqui para ajudar. Como uma plataforma de ensino particular de inglês online que atendeu centenas de milhares de alunos, entendemos que tornar-se fluente é mais fácil de falar do que fazer, por isso tentamos nosso melhor para tornar sua experiência de aprendizagem:

  • Mensurável: cada aula que você faz é um passo em direção à fluência. Para mantê-lo motivado, mostramos quantas aulas você fez até agora e quais novas palavras você aprendeu em cada lição.
  • Atingível: Nem todos podem se comprometer com aulas de uma hora. É por isso que oferecemos aulas em blocos de 25 minutos! São facilmente previsíveis e encaixáveis na sua rotina.
  • Revisado Regularmente: os professores sempre dão feedback no final de cada lição, para que você saiba como está indo.

Com seus objetivos SMART e nossas aulas, tornar-se fluente é apenas uma questão de tempo!