bloog image
Home Entretenimento Tracy Chapman é a voz das revoluções

Tracy Chapman é a voz das revoluções

Você conhece a canção que virou hino durante a primavera Árabe? Descubra o que torna ‘Talkin' Bout a Revolution’ uma canção revolucionária!

Ultra_big_tracy-chapman-623

Chapman tem uma voz suave e poderosa que é destacada pelos acordes tranquilos da música  ‘Talkin' Bout a Revolution’. Mas se você já prestou atenção na letra da canção deve ter pensado ‘Wow! Não é tão suave assim!’. A letra fala em revolução e, mais especificamente, uma revolução de classe!

 

É uma canção comunista???

Carl Marx ficaria orgulhoso de ver seu ‘Manifesto Comunista’ inspirando artistas 40 anos depois.Marx acreditava que em algum momento no futuro os trabalhadores ficariam cansados de gerarem lucros para os empresários sem nunca receberem um salário digno. Ele previa um momento em que a classe operária se revoltaria e demandaria a sua parte. Sem sombra de dúvidas, é sobre isso que Chapman canta em ‘Talkin' Bout a Revolution’.

Mas uma cantora americana falando de revolução de classe parece meio estranho, não? Pode até ser estranho, mas não é de se espantar que uma cantora negra simpatize com a ideologia de igualdade de classes. Nos EUA dos anos 80 os negros americanos tinham todos motivos para querer uma revolução.

Tracy sofreu com o racismo desde muito cedo e participou de programas sociais para a educação de crianças pobres. A cantora compôs ‘Talkin' Bout a Revolution’ com apenas 16 anos (quanta maturidade, hein?). E este grito por mudança foi inspirado em outra canção que marcou os corações revolucionários: ‘Redemption Song’, de Bob Marley! Parece que o movimento negro ao redor do mundo está unido na busca por mudanças, tão conectado que Tracy Chapman teve a honra de cantar no aniversário de 70 anos de Nelson Mandela, em 1988.

 

Em uma entrevista sobre este show, para a radio BBC Londres, Chapman afirma:

 

‘I definitely think that musicians have a very   

special place in society and that they communicate   

to people and that they can educate people.   

And I think that there is always time for a change,   

because there is always a way to make things better.’   

‘Eu definitivamente acho que músicos têm um lugar muito

especial na sociedade e que eles comunicam

e educam as pessoas.

E eu acho que há sempre tempo para uma mudança,

porque há sempre uma maneira de fazer as coisas melhorarem.'

 

Confira a performance ao vivo de Tracey Chapman em homenagem à Nelson Mandela, no Wembley Stadium, em Londres:

 

 

E para quem quer cantar junto, segue a letra ;)

 

Talkin' Bout a Revolution  

 

Don't you know?  

They're talkin’ about a revolution  

It sounds like a whisper  

Don't you know?  

They're talkin’ about a revolution  

It sounds like a whisper  

 

While they're standing in the welfare lines  

Crying at the doorsteps of those armies of salvation  

Wasting time in unemployment lines  

Sitting around waiting for a promotion  

 

Don't you know?  

They're talkin’ about a revolution  

It sounds like a whisper  

 

Poor people are gonna rise up  

And get their share  

Poor people are gonna rise up  

And take what's theirs  

 

Don't you know?  

You better run, run, run, run, run  

Oh I said you better run, run, run, run, run  

‘Cause finally the tables are starting to turn  

 

Talkin’ about a revolution  

Yes finally the tables are starting to turn  

Talkin’ about a revolution, oh no  

Talkin’ about a revolution, oh no  

 

While they're standing in the welfare lines  

Crying at the doorsteps of those armies of salvation  

Wasting time in unemployment lines  

Sitting around waiting for a promotion  

 

Don't you know?  

They're talkin’ about a revolution  

It sounds like a whisper  

 

And finally the tables are starting to turn  

Talkin’ about a revolution  

Yes finally the tables are starting to turn  

Talkin’ about a revolution, oh no  

Talkin’ about a revolution, oh no  

Talkin’ about a revolution, oh no  

Falando numa revolução

 

Você não sabe?

Estão falando numa revolução

Isso soa como um sussurro

Você não sabe?

Estão falando numa revolução

Isso soa como um sussurro

 

Enquanto eles estão de pé nas filas da assistência social

Chorando nos degraus das portas daqueles Exércitos da Salvação

Desperdiçando tempo nas filas de desempregados

Sentados à espera de uma promoção

 

Você não sabe?

Estão falando numa revolução

Isso soa como um sussurro

 

As pessoas pobres vão se insurgir

E apanhar sua parte

As pessoas pobres vão se insurgir

E pegar o que é delas

 

Você não sabe?

Melhor você correr, correr, correr

Oh, eu te disse é melhor correr, correr, correr, correr...

Porque finalmente as mesas estão começando a virar

 

Estão falando numa revolução

Sim, finalmente as mesas estão começando a virar

Estão falando numa revolução, oh não

Estão falando numa revolução, oh não

 

Enquanto eles estão de pé nas filas da assistência social

Chorando nos degraus das portas daqueles Exércitos da Salvação

Desperdiçando tempo nas filas de desempregados

Sentados à espera de uma promoção

 

Você não sabe?

Estão falando numa revolução

Isso soa como um sussurro

 

E finalmente as mesas estão começando a virar

Estão falando numa revolução

Sim, finalmente as mesas estão começando a virar

Estão falando numa revolução, oh não

Estão falando numa revolução, oh não

Estão falando numa revolução, oh não


Leia também

Ultra_big_e-mail_formal

Saiba como escrever e-mails formais de agradecimento em inglês

Blog-read-more
Ultra_big_ilustra%c3%a7%c3%a3o_basquetemenor_pt

8 expressões em inglês sobre basquete!

Blog-read-more

Arquivo


Main-blog-bottom-banner