bloog image
Home Viagem Viajando pelo mundo com pouca grana e conhecendo pessoas fantásticas

Viajando pelo mundo com pouca grana e conhecendo pessoas fantásticas

Se você acha que viajar e conhecer pessoas novas e diferentes devem ser sinônimos, então você vai adorar este artigo. Vamos apresentá-lo ao Couchsurfing - a sua chance de conhecer pessoas de todo o mundo.

Ultra_big_couchsurfiiiing

Viajar remete a muitas coisas diferentes e se conecta a diferentes objetivos e propósitos. Algumas pessoas viajam para finalmente conhecer os cenários de filmes e de cartões postais, outros querem experimentar a culinária local e as comidas exóticas. Muitas pessoas fazem isso para entrar em contato com diferentes culturas e ampliar seus conhecimentos sobre o mundo. Nenhuma das razões citadas acima é melhor do que a outra, mas a última é, com certeza, a mais difícil de realizar, já que conhecer e se entrosar com os habitantes locais pode ser complicado.

Você chega em uma nova cidade e faz o seu melhor para entrar em contato com os nativos, mas eles geralmente estão absortos em sua rotina e rodeados por seus amigos. Pensando nisso, a rede social ‘Couchsurfing’ foi criada para ajudar os viajantes e nativos a quebrarem o gelo e entrarem em contato com estas pessoas de alguma forma!

Couchsurfing descreve-se como uma organização online direcionada para viajantes que buscam alojamentos gratuitos e conhecer novas pessoas. Funciona de maneira extremamente simples: no site você cria um perfil - como no Facebook - e faz uma busca/pesquisa com intuito de encontrar ‘um sofá disponível’ em seu destino ou então para oferecer o seu sofá para viajantes que vêm a sua cidade.

A comunidade Couchsurfing começou em 2004 e agora tem mais de 10 milhões de membros de mais de 200.000 cidades em todo o mundo!

 

Porque eu deveria experimentar?

Couchsurfing pode ser uma grande oportunidade para descobrir como pessoas de outras culturas vivem, quais são suas rotinas, e também que tipo de comidas típicas eles preparam - se você tiver sorte de ter um ‘host’ (anfitrião) que é um bom cozinheiro, melhor ainda!Além disso, você entra em contato com pessoas de diferentes culturas, religiões, origens, educação e classes sociais. Isso nunca aconteceria se você ficasse em um hotel com outros viajantes.

 

Mas será que esse tipo de viagem é para mim?

É normal ficar nervoso ao pensar em dividir um lugar com estranhos, mas o Couchsurfing tem todos os meios para assegurar-lhe uma experiência segura e extraordinária. O serviço conta com um sistema de verificação do perfil, avaliação de outros hóspedes, além dos depoimentos de amigos no perfil do Couchsurfer. De qualquer forma, uma boa forma de começar a utilização do serviço é se perguntar o que você espera de sua viagem!

Você também tem que colocar-se na pele do anfitrião e se perguntar sobre o que eles podem esperar de você. Se você estiver disposto a compartilhar suas histórias e responder as perguntas sobre o seu país (que serão inevitáveis), você vai ser um ótimo visitante!

Além disso, você tem que manter em mente que você não está em um hotel, você está sendo convidado para ficar na casa de alguém. Você terá que agir de acordo com esta situação e fazer o seu melhor para mostrar respeito com o seu anfitrião. Por exemplo, seria bom se você trouxesse algum presente para oferecer, ou se você preparasse uma refeição para o seu ‘host’.

Mesmo que o Couchsurfing seja a solução perfeita para os problemas de orçamento - fornecendo uma alternativa barata aos hotéis - este não é o principal objectivo da comunidade. Por isso, a experiência pode frustrar algumas pessoas que só buscam por um sofá livre. A comunidade do Couchsurfing tem suas próprias regras de etiqueta, tanto para o viajante quanto para o anfitrião e estas regras visam proporcionar uma experiência cultural. Em outras palavras, você deve estar disposto a passar tempo com as pessoas que lhe hospedam e não apenas usar sua casa como um cantinho para dormir.

 

Por onde eu começo?

 

1. Vá a uma reunião Couchsurfing em sua própria cidade

Tente participar das reuniões locais para entender o verdadeiro objetivo da comunidade.Toda grande cidade tem um grupo que organiza encontros, normalmente em bares locais. Eles são uma ótima oportunidade para conhecer os viajantes e anfitriões, e para que você possa tirar todas as suas dúvidas sobre o Couchsurfing.

 

2. Hospede alguém

Sendo o anfitrião, você pode escolher alguém para ficar na sua casa ou apenas oferecer-se para mostrar a sua cidade, tomar uma xícara de café ou recomendar lugares agradáveis para o viajante conhecer. Hospedar um estrangeiro faz você sentir um pouco como se estivesse viajando e traz um pedaço do mundo para a sua casa. Além disso, esta é uma boa maneira de construir o seu perfil pessoal no site - lembre-se que você será julgado por depoimentos que outros ‘couchsurfers’ escreverem sobre você.

 

3. Encontre alguém simpático e peça para ser recebido como um convidado

Leia atentamente os perfis de anfitriões e certifique-se de escolher alguém com boas avaliações e que tenha os mesmos interesses que você. Um verdadeiro membro da comunidade terá um perfil completo e pelo menos alguns depoimentos. Basta lembrar de ser simpático e mostrar um interesse real na vida da pessoa - o envio de uma mensagem genérica para muitos anfitriões não vai levá-lo a lugar nenhum, pois é fácil de detectar as pessoas que querem apenas um sofá gratuito.

 

Concordamos com o lema do Couchsurfing: temos muito a ganhar ao conhecer novas pessoas e ao compartilhar experiências culturais. A Engoo quer que você conheça pessoas incríveis em toda a sua vida e nós faremos o nosso melhor para lhe preparar para esses encontros surpreendentes ;)

 


Leia também

Ultra_big_dangerous-english-expressions-585x743

Conheça as 5 expressões em Inglês que mais geram mal-entendidos

Blog-read-more
Ultra_big_quen_12

Na Austrália a rainha Elisabeth tem 270 anos!

Blog-read-more

Arquivo


Main-blog-bottom-banner